quarta-feira, 30 de abril de 2008

Pespectivas de investimento no Concelho


Empresários alemães poderão investir 10 milhões de euros na aquisição de casas brasonadas em Celorico de Basto

Empresários alemães ligados ao imobiliário e ao turismo poderão investir cerca de 10 milhões de euros na aquisição de casas antigas em Celorico de Basto", disse à Lusa o vice-presidente da Câmara, Joaquim Mota e Silva.O autarca desloca-se quinta-feira à Alemanha onde se vai reunir com investidores interessados em casas brasonadas que existem em Celorico de Basto.Algumas destas habitações dos séculos XVIII e XIX têm sido recuperadas, nos últimos dois anos, por um empresário da zona de Guimarães, que vai acompanhar Joaquim Mota e Silva na deslocação à Alemanha.Segundo um levantamento mandado realizar pela edilidade, Celorico de Basto é um dos concelhos portugueses com maior número de casas brasonadas.Esta riqueza arquitectónica, que inclui outras casas rurais típicas do Baixo Minho em bom estado de conservação, tem motivado a deslocação àquele município do interior do Distrito de Braga de empresários germânicos e e também da zona do Porto, atraídos pelo potencial turístico deste tipo de investimento. O autarca vai encontrar-se no próximos dias em Berlim como o director-coordenador do Centro de Negócios da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), ao qual vai apresentar alguns projectos de investimento no concelho na área da hotelaria.Joaquim Mota e Silva salienta que "a recuperação especializada de inúmeras casas abandonadas existentes em Celorico de Basto, localizadas em pontos paisagisticamente privilegiados é uma forte aposta da Câmara Municipal, que pode contribuir para o desenvolvimento económico e social do concelho", sobretudo nas áreas do turismo e da indústria da construção civil.Segundo o autarca, os investidores alemães, entre os quais um grupo imobiliário de grande dimensão habituado a trabalhar com o sector do turismo, poderão vir a adquirir algumas dezenas de habitações em Celorico de Basto.

Armindo Mendes/Lusa

2 comentários:

Fenridal disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
monteiro disse...

Passado quase um ano não se vêem os euros do alemães.
Os unicos alemães que vemos em Celorico, são alguns pastores que se soltam das correntes.
Tanta Publicidade e tanta pompa para até agora .......NADA