quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Mais greves!



Sempre que se aproximam as festas de natal e fim de ano, somos confrontados com as sucessivas greves, na Tap ou CP. Isto é um ciclo vicioso, a que todos nos habituamos.

Sem querer por em causa os direitos fundamentais dos trabalhadores de reivindicarem os seus direitos e melhores regalias sociais, estou de acordo e defendo que sempre que se justifique devem partir para esta forma de luta, mas devem previamente esgotar o diálogo com a entidade patronal.

Todos sabemos que a Tap é uma empresa pública fundamental para o país e para a economia nacional. O Governo ao decidir em Conselho de Ministros aprovar o diploma legal de privatização, que vai avançar nos primeiros meses do ano de 2015, deve ter avaliado o seu impacto.

No caso a Tap, os sindicatos são mais que muitos, e decidem declarar a greve sem atender aos reais interesses das pessoas nesta época de festividades, com prejuízos de vários milhões para a empresas e para o país.

Quando a Tap for privatizada, as greves acabam de uma vez por todas. Aliás, já se está a sentir esta situação, é público e notória a contestação dos trabalhadores na pessoa das Comissões de Trabalhadores e Sindicatos que querem impedir o avanço do processo de privatização, porque sabem que a situação vai-se alterar.

Fazendo uma avaliação rigorosa da privatização parcial (60%), não se sabe se as perdas com a transferência da empresa para a iniciativa privada, vai ser maior ou menor que o país atendendo aos prejuízos anuais da Tap com a gestão e greves, que todos os contribuintes têm de pagar com o orçamento do Estado.

O futuro o dirá!

domingo, 14 de dezembro de 2014

Professor e artesão "salvam" viola amarantina

Amarante

Professor e artesão "salvam" viola amarantina


A viola amarantina esteve quase extinta, mas a missão concertada de um professor e de um artesão, ambos de Amarante, permitiu ensinar dezenas de jovens a tocarem o instrumento, assegurando um futuro, outrora incerto.



Construção da viola:



Ver filme!



Tradição em Vila Real - dar o pito!

Rapazes dão a gancha às raparigas e depois pedem-lhes o pito
Eduardo Pinto

| 03.02.2013 - 00:00


Este domingo é dedicado a São Brás. Em Vila Real manda a tradição que os rapazes de Vila Real ofereçam a gancha às raparigas. Mas elas ficam em dívida. A 13 de dezembro, dia de Santa Luzia, terão de dar-lhes o pito. Uma tradição que começou por ser religiosa e que com o tempo ganhou cariz popular. 

In jn



domingo, 7 de dezembro de 2014

Mário Soares - Faz 90 anos


Mário Soares completa hoje 90 anos.

Como figura incontornável da vida portuguesa, Mário Soares é, com muita frequência, solicitado a pronunciar-se sobre os acontecimentos de maior relevância que envolvem o país.

Mário Soares nasceu em Lisboa, a 7 de Dezembro de 1924. As acções políticas que encetou contra o Estado Novo desde os tempos de estudante da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, tiveram como consequência ter sido preso 13 vezes pela PIDE (polícia política) e ainda ter sofrido, em 1968, uma deportação para São Tomé. Tendo concluído, em 1951, a licenciatura em Ciências Histórico-Filosóficas iniciou, na mesma Universidade, o Curso de Direito, tendo-o concluído em 1957. Como advogado, defendeu, em tribunais plenários, inúmeros opositores ao regime. Devido às constantes perseguições que a polícia política lhe fazia, viu-se obrigado, em 1971, a refugiar-se em Paris. Foi um dos fundadores, em 1973, do Partido Socialista, do qual foi o primeiro secretário-geral. Regressou a Lisboa em 1974, logo após o derrube do regime, tendo sido chamado a desempenhar as funções de Ministro dos Negócios Estrangeiros, no âmbito das quais desenvolveu negociações conducentes à independência das colónias portuguesas. Opôs-se à tentativa de um sector de militares sublevados que pretendiam conduzir progressivamente o país para um regime de extrema esquerda. Demitiu-se do cargo em Março de 1975, passando a ocupar um ministério sem pasta. Volvidos dois meses, demitiu-se, igualmente, deste cargo. Foi primeiro-ministro de 1976 a 1978 e de 1983 à 1985. Negociou, de 1977 a 1985, com pleno sucesso, a entrada de Portugal na Comunidade Europeia (actual União Europeia). Foi presidente da República dois mandatos sucessivos, de 1986 a 1996, tendo iniciado as chamadas presidências abertas, durante as quais percorreu muitas regiões do país, auscultando directamente as aspirações e as reclamações populares, dando assim início a uma nova postura presidencial. Desempenhou, posteriormente, as funções de eurodeputado no Parlamento Europeu. Actualmente, tem-se dedicado à escrita, à coordenação da Fundação a que deu o seu nome e à intervenção em inúmeros congressos e debates.

Para uma mais completa informação sobre a sua vida e obra, consulte o site da Fundação Mário Soares, clicando na figura a seguir inserida. In o leme

Parabéns e muitos anos de vida!

Viola Amarantina - Cidade de Amarante


A viola amarantina, também designada de viola de Amarante, viola de dois corações ou simplesmente viola é típica da região doDouro Litoral. É tocada de rasgado, com todos os dedos percorrendo as cordas. Também em Cabo Verde chegou a construir-se violas amarantinas3 no início do séc. XX, sendo aí chamadas simplesmente de “violas”. A sua construção e uso andou um pouco estagnada, e a designação “viola” passou a ser usada para a guitarra de 12 cordas. No entanto, nos últimos tempos, os instrumentos tradicionais portugueses, sobretudo os cordofones, têm vindo a ser mais divulgados e utilizados, sem excepção para esta viola.

O seu comprimento é de cerca de 90 cm. A boca geralmente tem a abertura com a forma de dois corações. A escala é saliente em relação ao tampo, e estende-se por cima deste até à boca. A cabeça geralmente é plana, ligeiramente inclinada em relação ao braço, e com uma forma retangular, com uma fenda longitudinal e com cravelhas. Excecionalmente, a cabeça pode ter a forma de leque , similar à guitarra portuguesa. O cavaletetambém é extremamente trabalhado. In Wikipédia



quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Processos mediáticos!



O processo dos vistos gold que envolve altos quadros do Estado, nomeadamente SEF, IRN e SIS, tem estado na ordem do dia, com a comunicação social a dar-lhe a cobertura mediática, o que não favorece em nada o regular funcionamento da investigação, porque há sempre demasiado ruído à volta do inquérito.

Pela experiência que temos, os processos de cariz mediático nunca são um bom exemplo de justiça, porque são sempre muito morosos e sem resultados práticos, porque raramente há condenações.

Os melhores advogados na nossa praça, não estão ali para colaborar com a justiça, mas apenas para criar e suscitar manobras dilatórias que apenas servem para protelar as decisões judiciais, pagos a peso de ouro.

Na opinião do cidadão comum que está alheado da tramitação dos processos de inquérito e sob investigação, suscitam-lhes algumas dúvidas, será que atualmente há mais corrupção na Politica e nos Órgãos do Estado ou há mais investigação e denuncia e a justiça afinal funciona?

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Violência doméstica



As recentes notícias de violência doméstica, deveriam envergonhar todos os homens!

Nem parece que vivemos num mundo civilizado. Segundo dados das entidades competentes, há cerca de 500 reclusos a cumprir pena de prisão por condenação por crimes de violência doméstica.

Isto significa que, os números são muitos mais elevados que estes dados, porque há processos em curso e outros que terminam sem condenação em prisão efectiva, a que acresce o fato de muitos dos casos a vitima ser coagida ou impedida de denunciar o problema.

O problema não pode ser visto de forma ligeira, sem ser analisar caso a caso, bem como as repercussões que têm ao nível da vida familiar, porque a maioria dos atos de violência acontecem na presença de crianças ou filhos menores, com efeitos negativos na sua educação e crescimento que se vão reflectir no seu futuro.

Vai mais uma taxa - Lisboa



A Câmara de Lisboa, decidiu cobrar uma taxa de 1 euro por passageiro que chegue ao aeroporto e ao porto e 1 euro por dormida em 2016.

Ou seja, cobra um 1 euro à chegada a Lisboa, por via aérea e marítima, que será cobrada a turistas e também a não residentes no concelho da capital.

Esta ideia não é nova, o Município de Aveiro já tentou a aplicação da mesma taxa, sem qualquer resultado prático e muita polémica à volta.

Há um ditado antigo que diz que “quem tudo quer tudo perde” que não é mais que matar uma galinha de ovos de ouro, com o objectivo de enriquecer o seu dono e acaba com os ovos e perde tudo!

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Boas notícias - Piscinas Descobertas de Celorico de Basto

Arrancam as obras das Piscinas Descobertas de Celorico de Basto


Prevêem-se em funcionamento a partir de julho de 2015.

Um dos espaços naturais com maiores potencialidades paisagísticas, turísticas e recreativas, os espaços contíguos da Ribeira de Boques, irão albergar as Piscinas Descobertas de Celorico de Basto. A obra está prestes a arrancar e prevê-se concluída a meados de julho de 2015. Com um valor global de investimento de cerca de 1.5 milhões de euros. 

"Esta obra, fruto de muito empenho e dedicação, vai finalmente arrancar. Andamos há três anos a labutar para conseguir dar a Celorico de Basto um espaço de lazer e desportivo com as melhores condições para os celoricenses e para receber quem nos quiser visitar. A nossa Ribeira de Boques é o espaço ideal para acondicionar este equipamento pelas características próprias do solo que permitem que as intervenções urbanas de relevante interesse público, que tínhamos em projeto, possam prosseguir", salientou o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. O autarca realçou ainda a celeridade da conclusão da obra. "Temos por objetivo ter esta obra concluída com a maior celeridade. Se possível com os banhistas a usufruírem do espaço na próxima época balnear, a partir de julho de 2015", disse. 

Esta obra é cofinanciada pelo FEDER, Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, no âmbito do Programa Operacional da Região Norte do Qren. 

Este projeto das piscinas ao ar livre insere-se numa série de intervenções urbanas levadas a cabo pela autarquia tendo sido objeto de um pedido de reconhecimento de relevante interesse público, para efeitos do uso de solos da REN, tendo por base o Estudo Hidráulico da Ribeira de Boques e um estudo de Integração Paisagística da Ribeira de Boques.

As piscinas obedecem às normas para instalações desportivas de uso público sendo que o local reúne as melhores condições de exposição solar, de proteção contra os ventos dominantes e integra um parque urbano, conferindo-lhe as condições claramente ajustadas ao ambiente pretendido. Trata-se de um local em que os acessos estão garantidos através de caminhos pedonais e de um arruamento que remata numa praceta que alberga um grande parque de estacionamento de viaturas ligeiras e pesadas de passageiros.

A implantação de todo o conjunto destinado à piscina tem uma área total de 8340,00m2, conferindo um espaço 17 vezes superior à superfície dos planos de água propostos, quando as normas técnicas da Directiva CNQ 23/93 apenas exigem que seja 8 vezes superior.

Este equipamento destinar-se-á a atividades lúdicas e à aprendizagem desportiva, tendo-se optado por dois espaços separados. A organização deste equipamento propõe 4 zonas funcionais que correspondem a diferentes espaços distintos e de apoio à atividade pretendida; a zona de banho ou zona de cais, a zona de serviços anexos, a zona de serviços técnicos e a zona de serviços complementares. 

fonte  município

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

1º dicionário de “Portoguês”

O Professor João Carlos Brito, criou o primeiro dicionário de “Portoguês”, que reúne as expressões dos tripeiros.

Titulo do livro “Um livro só para quem ama o Porto”

O dicionário reúne cerca de 2500 palavras e expressões. O objectivo é contribuir para a preservação do seu património linguístico.

No livro vamos encontrar expressões como:

Morcão, tótil, molete, guito, sameira, laparoto, lambisgóia, ir de riquito.

Passar férias a Custóias.

Vai no batalha.

Bai-me à loja.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Sinal + - Estádio da Luz - Lisboa


Estádio da Luz na luta pelo título de "mais bonito" da Europa, votação levada a cabo pelo "L'Equipe"

O "L'Équipe" lançou na quarta-feira uma votação para escolher o estádio mais bonito da Europa.

Na lista de 20 recintos divulgada pelo jornal francês, o Estádio da Luz é o único português que aí figura. A "casa" do Benfica surge ao lado de estádios ingleses, italianos, espanhóis, alemães, franceses, holandeses, escoceses, russos e turcos. In Record 15 outubro de 2014

Veja aqui a votação

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Megaciclovia europeia!

Europa Ligada por ciclovia!

Até ao ano de 2020, será construída na Europa uma megaciclovia, com cerca de 70.000 kms, que vai permitir a ligação entre 43 países desde Portugal até à Rússia, num total de 14 rotas de diferentes tamanhos.

Baptizada com o nome de Eurovelo; poderá ser utilizada tanto por turistas em longas viagens, como pelas populações locais na sua deslocação do dia a dia. A Federação Europeia que idealizou o projecto, já estabeleceu as rotas que permitem criar a única rede de transportes europeia verdadeiramente sustentável amiga do ambiente.

As rotas poderão ser consultadas em:

http://www.eurovelo.com

domingo, 5 de outubro de 2014

Forças do Estado Islâmico




Cinco portugueses, devotos da religião muçulmana, estão já a caminho da Turquia, de onde seguirão depois por via terrestre para se juntarem às forças do Estado Islâmico, que combatem o regime sírio de Bashar al-Assad.

Segundo o ‘Expresso’ avançou ontem, o grupo tem idades entre 19 e 25 anos. Um destes jovens, conhecido como Sandro ‘Funa’, estará já mesmo a combater ao lado dos islâmicos.


A Sandro vão juntar-se, em breve, os amigos identificados como Fábio, Patrício, Celso e Edgar. Os cinco comunicam com frequência entre si através das redes sociais da Internet. Todos viviam na linha de Sintra, tendo emigrado para Inglaterra, local onde, em mesquitas, tomaram contacto com o Islão radical. Ali receberam treino. In correio da manha 


*

Por vezes nos questionamos, o que leva estes jovens a alistarem-se num grupo extremista e terrorista, que convive diariamente com a morte e a repressão.

Será por convicções politicas ou religiosas?

O curioso é que os grandes líderes da religião muçulmana condenam e demarcam-se dos membros do Estado Islâmico.

domingo, 14 de setembro de 2014

Vespas asiáticas em Celorico de Basto

Vespas asiáticas proliferam em Celorico de Basto

2014/08/26

As vespas asiáticas estão a ser motivo de atenção especial por parte da proteção civil de Celorico de Basto. Vários ninhos foram encontrados neste concelho que estão a ser prontamente destruídos. Desta vez, a proteção civil foi acionada para a freguesia de Fervença onde foram encontrados vários ninhos. "Não consideramos tratar-se de uma praga mas estamos a dar especial atenção ao assunto. Já foram encontrados vários ninhos em diferentes locais do concelho por isso estamos atentos e a controlar para que a vespa velutina não prolifere e invada as colmeias dos apicultores locais," salientou o presidente da Câmara Municipal, Joaquim Mota e Silva. Em Celorico de Basto vários ninhos foram destruídos com recurso a maçaricos, sobretudo, e a outros meios que destruam os ninhos e os insetos.

A proteção civil aconselha a população a informar caso esteja na presença de um ninho de vespas asiáticas para ser prontamente destruído, e assim evitar a proliferação do inseto e ao mesmo tempo salvaguardar a população uma vez que, o ferrão pode causar efeitos imediatos no metabolismo humano.

A vespa asiática veio para a europa através de produtos hortícolas oriundos da china e normalmente, faz os ninhos nas árvores acima de 5 metros de altura ou nas zonas mais escondidas das casas. Os ninhos podem ter dimensões consideráveis.

Fonte. Municipio de Celorico de Basto

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Sinal +


A maioria dos cidadãos europeus (95% dos 28.000 inquiridos) defende a protecção do ambiente na Europa.

Esta informação resulta de um estudo levado a cabo pelo Eurobarómetro sobre o ambiente, onde 75% dos cidadãos estão na disposição de comprar produtos que respeitem o ambiente, por entenderem que o estado do ambiente tem um impacto nas suas vidas semelhante à economia nacional.

Na defesa do ambiente, defendem a aplicação de coimas mais graves para os mais poluidores!

Fofoca – Light


A atriz Rita Pereira é a segunda mulher portuguesa atingir um milhão de seguidores no facebook.

A mulher com mais seguidores é a apresentadora da TVI Cristina Ferreira.